Seu browser não suporta JavaScript!

Página Inicial » Notícias IFPR Assis » asdAluno do IFPR participa de livro sobre repressão aos professores do PR

Aluno do IFPR participa de livro sobre repressão aos professores do PR

quinta-feira, 28 de maio de 2015 - 11:23 AM

Na quinta-feira, dia 28/05/2015, às 19 horas, na sala Homero de Barros do Edifício Dom Pedro I da Universidade Federal do Paraná, ocorrerá uma mesa-redonda e o lançamento do livro “UM REGISTRO DO DIA 29 DE ABRIL DE 2015: PARA NÃO ESQUECER”, data em que os professores do Paraná sofreram uma ação violenta da polícia militar e do governador Carlos Alberto Richa.

Na véspera de completar um mês do massacre contra os professores do Paraná, o Laboratório de Pesquisa em Educação História (LAPEDUH), coordenado pela professora Doutora Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidt e seus colaboradores, lança um livro em homenagem aos professores do estado do Paraná. O material contou com a participação de professores e alunos e reúne depoimentos, imagens, moções de repúdio à ação do governo e cartas de apoio aos professores.

Pensado e realizado em aproximadamente 15 dias, o livro-intervenção pretende, ao mesmo tempo, ser uma denúncia contra a violência, e diante da possibilidade de ser usado em aulas de História, também anuncia a possibilidade de uma sociedade mais justa e sem episódios de autoritarismo.

Participação do aluno:

O aluno Andre Luiz de Andrade, do terceiro ano do curso técnico em Mecânica integrado ao Ensino Médio, do IFPR (Campus Curitiba) participou e fotografou as manifestações do dia 29 de abril de 2015. Suas fotos foram vistas pelo professor Thiago Augusto Divardim de Oliveira (Professor de História dos IFPR Campus Curitiba) e integrante do LAPEDUH – UFPR, que o convidou para participar do projeto.
A partir de uma troca de e-mails, produziram um pequeno texto em forma de diálogo entre um professor e um aluno que presenciaram o massacre.
De acordo com a introdução do capítulo:

“Esse diálogo entre um professor e um aluno poderia ser o diálogo entre qualquer professor ou professora com qualquer aluno ou aluna, desde que ambos não aceitem a violência e defendam a democracia e a organização política. Realizamos esse diálogo abertamente, entre memórias e registros, dores e esperança, entre explosões e fotografias, entre os sonhos e a luta”.

(Trecho do livro, 2015)

A surpresa, tanto para o professor Thiago, quanto para o aluno Andre, foi que uma de suas fotografias cedidas ao projeto foi escolhida para a capa do livro. Além da capa, outras fotografias fazem parte do projeto. De acordo Thiago, o capítulo realizado com imagens cedidas por fotógrafos da cidade deu um destaque especial as fotografias do aluno Andre Luiz de Andrade.



Para acompanhar as notícias do IFPR em tempo real assine nosso Feed(RSS), ou siga nosso perfil no twitter.

Galeria de Imagens

« « X Congresso Brasileiro de Agroinformática – SBIAgro   Informativo Especial – Escola Interativa – 2015 » »